13.11.07

Saudinha é o que nós precisamos

Não ter saúde é uma trampa. Eu este ano devo estar a pagar por todas as vezes que pensava "que seca" quando as minhas tias-primas velhotas iam lá no Natal com notas de 500 escudos e se punham a beijocar-me e a repetir até à exaustão "Saudinha, minha filha, que tenhas muita saudinha c'agente não precisa de mai nada". De certa forma, ter muita saúde é o mesmo que ter muito dinheiro. O que é ter muito dinheiro? É não ter de pensar nele. O que é ter muita saúde? É o mesmo. Por isso, nos Natáis dos anos 80 eu andava mais preocupada em contabilizar quantas Barbies (e complementos) tinha recebido. Resumindo e concluindo: o fim de semana em Lisboa teria sido perfeito, se, no domingo à tarde, eu não tivesse perdido o avião para ir para o hospital a vomitar as entranhas e sem sequer conseguir andar sozinha de tão baixa que estava a minha tensão arterial. Aparentemente, foi uma gastroentrite ligeira. Ligeira. Bom, pelo menos fiquei doente em Lisboa. Não há nada mais horrível que ficar doente e estar sozinho. Pelo menos em Lisboa tenho quem me mime e faça canjinha. De resto, o balanço do fim de semana foi bastante bom, com destaque para a noite de sexta-feira, com janta na Casa México, copos em Santos e finalmente ida ao Lux, já era tempo de voltar. A todos os meus queridos amigos que foram, e também à querida Joana que desta vez não se juntou à festa, um grande beijinho. As minhas idas a Lisboa são sempre melhores quando estou com vocês.

2 comentários:

JS disse...

Lamento imenso querida, gostava muito de ter estado convosco. Para já, porque tenho uma série de coisas para falar contigo, nomeadamente uma possível ida para Madrid trabalhar muito em breve ... depois porque tenho uma fotografia giríssima tua, em Porto-Côvo, de 1998, cabelo curto e loiro acabada de acordar, nas redes que puseram esse ano na areia ....

Seja como fôr, estou a pensar ir um fim de semana a Madrid, talvez mesmo ainda antes do Natal e obviamente quero encontrar-me contigo para me redimir de sábado ... tenho muitas saudades tuas amiga, muitas mesmo !

Xi - coração


JO

Margarida disse...

Ai, eu loira e com 50 kg bem chupadinhos. Bons velhos tempos! :)