11.7.09

Da gordura (ou, vá, do CO2)

O meu querido, que, além de muito inteligente, é um bocado nerd, está aqui muito contente ao meu lado a ler-me notícias do slashdot para evitar ter de estudar para uma cadeira do mestrado. (Isto também tem muita piada, principalmente porque eu não tenho saído para ficar a fazer companhia ao menino, que tem muito que estudar, o pobrezinho. Mas adiante, que este não é o tema do post.) Bom, mas aqui está ele muito entusiasmado (continua a recitar notícias geeks como se não houvesse amanhã) a contar-me que agora fizeram uns ratos que convertem a gordura em dióxido de carbono. Como isto é fixe e inovador e outras coisas desse estilo. Mas a mim, o único pensamento que me ocorre é: que grande estúpido desejaria fazer uma coisa destas? Então andamos nós a investir triliões de dólares euros a lutar contra o aquecimento global (coisa que até ver, ninguém conseguiu provar se vai valer a pena e se vamos conseguir evitar o que quer que seja), para depois virem uns mancebos e dizerem "gordas e gordos deste mundo, gulosos obcecados com a linha, estejam à vontade, enfardem à bruta, que nós no fim convertemos tudo em CO2 e assunto arrumado". Pois. E já agora, como se liberta o CO2 da banha? Evapora simplesmente? Ou vamos assistir à globalização total do pum como modo de vida? "Ah, é que não é um pum, é um tratamento caríssimo da Corporación Dermoestética, um must!" Era só o que mais faltava. Fim da civilização sim, mas pelo menos lancem-nos um meteorito, que sempre é menos doloroso...

7 comentários:

Luna disse...

LOOOOOOL

Lovely Rita disse...

Brilhante... Como e que sera isso? Combustao da materia organica? Bem a gordura tem um bom poder calorifico, parece-me a mim. Nao e nada que nunca me tenha passado pela cabeca... Bolas!, devia ter patenteado a minha ideia assim que me passou pela cabeca, em meados do ano passado!

Beijocas,
Lovely Rita

RP disse...

Que sou o teu querido, não tenho dúvidas. Que sou muito inteligente, muito menos. Que sou ainda muitas mais coisas e ainda mais espectaculares, também!! Agora, *nerd*? *NERD*? Mau!!

Olha m'esta! Daqui a pouco apareces-me em casa a fumar, não?

Margarida disse...

Luna,
tb me ri, mas se vires bem é assustador!

Rita,
sua gulosa, eu vi logo que também devias andar a pensar nestas coisas demoníacas!

RP,
Ó amor, todas as gajas sabem que és um nerd sexy e grosso, a excepção que confirma a regra. Vá, agora vai lá estudar... :p

Rita Maria disse...

Por amor De Deus, isso seria um milagre, isso sim!

PS: Gosto de saber que anedota do qualquer dia chego a casa e estás a fumar tem mais adeptos. Já nao a ouvia desde um Verao em que a minha mae nao contava mais nada, lá para 84...

Margarida disse...

Eh eh, é que como de hoje em dia fumar já não é in, nem sequer politicamente correcto, a piada perdeu força. Mas nós continuamos a usá-la :).

RP disse...

Exacto! Eu e a Margarida temos por hábito usar expressões "clássicas" como "cachopa", "sirigaita", "laurear a pevide", "galdéria", "irra", etc. Enfim, somos um casal adeptos dos clássicos. Não é? :P